PADRÕES DE CRIMPAGEM DE CABOS UTP: PARA QUE SERVE E COMO CRIMPAR

A padronização da montagem dos cabos nasceu da necessidade de se evitar ruídos e perda de performance nas transmissões de dados e voz. Um cabo montado de qualquer jeito, sem padronização, pode sofrer com interferências que podem pôr a perder a conexão. O motivo é que determinados fios não podem estar muito próximos uns dos outros dentro do conector.
Os cabos são muito importantes para o funcionamento de uma rede, já que eles são responsáveis pela transmissão de dados, sejam eles referentes à internet, transferência de arquivos entre estações ou ainda ao compartilhamento de impressoras ou algum outro periférico.

O que é crimpagem?

Segundo a definição do dicionário informal, CRIMPAR é o ato de plugar o cabo de rede ao conector RJ-45 utilizando alicate específico.

Padrões A e B

Antes de iniciar a crimpagem, escolha um dos padrões de sequência para as pontas. Existem dois padrões mais utilizados: eles são conhecidos como EIA/TIA 568A(padrão A) e EIA/TIA 568B(padrão B). Ambos funcionam perfeitamente.

fonte: baixaki

Tipos de Cabos

Cabo Direto

Os cabos diretos são utilizados para interligar computadores e HUBs/Switchs. Nestes cabos, as pontas devem ser exatamente iguais, pois, caso contrário, a transferência de dados não ocorrerá. O padrão utilizado em um dos cabos deverá ser o mesmo na rede inteira.

Cabo Crossover

Cabos crossover são utilizados para interligar dois computadores diretamente, dispensando o uso de um HUB ou Switch. Nesse caso, se você precisar compartilhar a internet, será necessário que um dos dois computadores possua duas placas de rede. Em uma delas você ligará o cabo crossover e em outra o cabo da internet, o qual será um cabo direto. Os cabos crossover também são utilizados para ligar um HUB/Switch a outro.

fonte: baixaki

O que você precisa para crimpar?

  • cabo UTP;
  • alicate;
  • conector RJ-45;
  • descascador de fio;
  • testador de cabos.

Passo-a-Passo

O primeiro a fazer é cortar o cabo em sua medida ideal com o alicate, logo em seguida insira o cabo no descascador e com ele gire para que os fios fiquem um pouco à mostra sem danificar quaisquer dos fios e então estique-os para facilitar coloca-los na ordem correta.

Apare as sobras dos fios com a ajuda do alicate ou descascador. Feito isso insira-os no conector RJ-45. Certifique-se de que todos os fios coloridos estão chegando até o final do conector, de modo que quando você for crimpá-los, as placas douradas encostem em todos os fios coloridos. Também é importante que os fios fiquem todos dentro no conector, pelo menos 1/3 do cabo dentro do conector.

Feito isso insira-os no conector RJ-45 e coloque no alicate para crimpa-lo pressionando-o.

Então com o testador verifique se as luzes e numerações estão na ordem correta.

Após seguir esses passos seu cabo está pronto para uso.

Cuidados e recomendações

O comprimento máximo de segmento de cabo é de cerca de 100 metros e mínimo de 30 centímetros.
Nunca esmague o cabo, pois pode comprometer sua estrutura.
Nunca passe o cabo de rede junto a rede elétrica, pois pode sobre interferência gerando perda da eficiência de transmissão.

Postado por: Michelle e Lucas Gomes – T.I. 43